top of page
  • Foto do escritorCamila de Aguiar

Você tem resiliência no trabalho?

Resiliência é das qualidades mais sutis de uma pessoa e pode ser fundamental para poder abraçar novas frentes e acompanhar as transformações no mundo dos negócios. Apesar da palavra parecer “surrada”, ela diz muito sobre aprendizado, valorização pessoal e estratégia. E nunca esteve tão em voga.


A última pesquisa CEO Outlook, da KPMG, empresa global presente em mais de 140 países, que ouviu mais de 50 CEO’s brasileiros, mostrou que 88% deles se mostram resilientes com os negócios. E mais: a maior parte desses executivos está trabalhando para que os demais líderes das suas companhias sejam também agentes resilientes – 80% dos líderes brasileiros buscam isso.


E a procura por profissionais com esse perfil também ultrapassa fronteiras. A mesma pesquisa aponta que, fora do Brasil, a característica é destacada como importante por 72% dos CEO’s na América do Sul e 84%, globalmente.


Uma pessoa resiliente no universo empresarial é alguém que, em um primeiro momento, sabe recuar, entender, analisar, evitar sobressaltos e sobreviver. Então, ela se mostra preparada para arriscar, experimentar, incentivar e conectar as mudanças ao dia a dia. É uma habilidade que precisa ser ressaltada.


Resiliência no ambiente de trabalho

A resiliência é uma qualidade almejada no universo profissional porque ela fala sobre inspiração pessoal, sentimento, capacidade de mutação e adaptação. A resiliência pode ser treinada e deve ser estimulada, mas ela transparece em quem já tem capacidade inata de enfrentar qualquer adversidade de maneira natural. Profissionais resilientes costumam ser mais produtivos, seguros, arrojados, bons comunicadores e capazes de cativar pequenas evoluções orgânicas nos seus negócios. É uma habilidade que faz brilhar os olhos de quem contrata.


Profissionais com resiliência são almejados pelo mercado e inspiram mais confiança. E por quê? A resposta é um tanto clara. Em tempos de incontáveis mudanças, que ocorrem cada vez mais rápido em uma sociedade tão volátil, e em uma economia tão instável, manter-se em uma posição fechada, rígida, imutável, pode levar ao fracasso. Profissionais resilientes, por serem elásticos, ao contrário, contribuem para o sucesso.


2 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo
bottom of page